Portugal, Animation 17 Min, 2012, Color HD
director Confederação
editor César Pedro
artwork Von Calhau!
production Confederação
co-production Grupo Musical Miragaia and Festival Manobras no Porto

 

Apresentação
A Lenda de Miragaia – e se é Lenda, não insistimos na História. Nós quisemos contar a Lenda que há, mas se há tanta por aí! Contamos a Lenda do jeito que a crê-mos. Há Reis e Rainha, há barcos e há rio.
– É o Douro meus senhores e minhas Senhoras, é o Douro.
É o Douro e é a Lenda aos olhos destes poetas à solta, que em pleno século de reinventar as palavras, vem reinventar-se!, e quem sabe, dizer a Garrett
– Esta Lenda também é nossa.

Sinopse Lenda de Miragaya
A Lenda do Rei Ramiro trilhou tantos caminhos que não podemos extremar d’ella a parte histórica. Partindo originariamente do ciclo de Salomão, idêntico ao de Carlos Magno e ao do Rei Artur pela importância que tomou na literatura medieval, temos que, o facto militar, o facto positivo e concreto, é a tomada por surpresa e em resultado de uma expedição marítima, do Castelo de Gaia, por cavaleiros cristãos… o restante… o restante, é a sobrevivência de um tema amoroso Salomónico, que se popularizou imenso e teve os seus desenvolvimentos paralelos e similares aos ciclos cavalheirescos da idade-média.
E por ora sabemos que, sobre a margem esquerda do Douro e quasi a prumo sobre elle, em frente a Miragaia e do Porto se ergue um grande morro de forma cónica, ainda hoje chamado Castelo de Gaia, onde em tempos remotíssimos pompeou um castro romano, e só depois o Castello Arabe.
Ficha Técnica
Titulo Original Lenda de Miragaya Argumento e Realização Confederação Personas D.Aldara, Ordonho, Ortiga, Rei Alboazar, Rei Ramiro Apoio à Investigação Emilia Lemos Desenhos Von Calhau! Montagem César Pedro Produção Confederação Co-Produção Grupo Musical de Miragaia e Festival Manobras Duração 17’aprox Formato 4:3/ cor / HD Genero Animação Idioma original Português Ano de Lançamento 2012 Estreia 12Outubro2012 (Auditório do Grupo Musical de Miragaia), Porto